terça-feira, fevereiro 16, 2010

Gato de companhia vs gato de criação, e a tal «uma ninhada»

Vou ser o mais directo possível. O criador tem o direito e, para nós, o dever de separar as águas. Gatinho de companhia tem uma missão, gatinho de criação outra. Um gatinho de criação pode ser um bom gatinho de companhia; já um gatinho de companhia não será muitas vezes um bom gatinho de criação. 

Um bosque da noruega é um gato sensível, inteligente e meigo. Logo, penso que será claro que todos os bosques são bons gatinhos de companhia.

Mas, para dar continuidade à raça, o gato de companhia mais bonito do mundo, como é sempre aquele de que somos donos, pode não ser aquele gato equilibrado, com tudo ou quase tudo «no sítio». Isso não quer dizer que o gatinho de companhia é de menor qualidade, apenas que um criador escolhe um gato com características especiais que pouco importam para a maioria daqueles que querem passar o seu tempo ao lado de bosque da noruega.  

Ou seja, para um dono «comum» não interessa o tamanho das orelhas, o redondo da testa, o rigor do queixo, o tamanho da cauda, etc etc etc. A um criador sim.

Isto leva-nos à história do «só quero fazer uma ninhada». Primeiro, não há razões de saúde que o defendam, depois sabemos todos que as gatas começam a desprender-se dos seus gatinhos pouco depois das 12 semanas. Ou seja, a gata vai ser submetida a uma gravidez desnecessária apenas pelo capricho humano de ter gatinhos em casa. Vão adorá-los durante 12 semanas e pronto...

Depois, chegamos ao efeito bola de neve. Partimos do princípio que o dono cruzou a sua gata  (falamos só de gata por ser mais fácil a explicação, mas aplica-se a ambos os sexos) com um macho muito bonito ,mas que até pode não ser assim tão «perfeito». Chega a hora de deixar sair os gatinhos, que não podem ficar  infelizmente, todos em casa.

A gata teve cinco bebés, por exemplo. Três dos novos donos não querem criar, mas dois ponderam fazer a tal «uma ninhada». Menos de cinquenta por cento, mas a fatia pode ser maior. Vamos ter mais 2x«uma ninhada», que até podem ser mais pequenas. Digamos 4 gatinhos em cada? Três? Fazemos a três. Seis gatinhos de duas ninhadas e 50 por cento dos novos donos quer também «uma ninhada». E assim sucessivamente. Onde parou a tal «uma ninhada»? O controlo de qualidade? Pelas minhas contas já vamos em seis ninhadas. Já imaginam a avalanche?

A verdade também é que um criador também não quer uma dispersão das suas linhas, o que até pode ser grave, e que o demorou bastante tempo em todo este processo. Mas o pior mesmo é o que está mais acima :(.

(by Luís)

4 comentários:

E.Filipe disse...

Boa tarde Luis!
Tudo muito bonito e bem escrito!..
So q haverá sempre um dilema comprador/criador..
Entao e se um cliente quiser um gato para companhia com todas as caracteristicas a que tem direito? Formato da cabeça,orelhas, patas, tamanho da cauda.. será que por "boa vontade" do criador, e vendido apenas como gato de companhia, poderá um mero cliente ter acesso a "este"??..ou "este" estará sempre reservado para "criação", pq é pago mais caro?
Como futuro comprador de um gato de raça Luis, e muito apreciador da vossa raça e dos vosso gatinhos em particular, apenas comento pq achei o seu topico muito interessante e que serve como resposta a perguntas a que deve ter que responder diariamente!
A minha vontade e de todos os "novos" donos seria, não fosse a valor pedido por um bichinho de raça, aqui e na Peninsula, compra-lo para criaçao, pq teriamos mais certeza de que seria o melhor, e ao 10º mês, esteriliza-lo, como é normal! Mas só assim, teriamos mais certeza, que o nosso bichinho, terá/teria, todos os F´s e R´s a que tem direito!
Talvez a "uma ninhada", tenha precisamente o objectivo de nós compradores tentarmos erradamente ver se o que adquirimos foi mm bom..erradamente pois se a fêmea não o fôr, ficaremos decerto desiludidos! Aos criadores em geral digo, se nós compradores quisermos ter a "uma ninhada" apenas, assumindo esse compromisso da nossa parte, talvez uma ajuda vossa fosse benvinda, pois voces sabem quem sao os varios novos donos que querem a "uma ninhada", pois só voces sabem onde estão todos os vossos discipulos, e como os "podem" juntar..
Sei q uma poderia levar a um sem fim de ninhadas, mas tb por isso voces criadores fazem tao importante entrevista, para saberem um pouco da nossa credibilidade!
Desculpem o testamento!
Melhores cumprimentos, dum seguidor vosso,
E.Filipe

E.Filipe disse...

Apenas para acrescentar Luís, que ter um belo especimen puro, seja de que raça fôr,pelas características q tanto nos agradam, por umas centenas de euros, não está ao alcance de qualquer um como sabe!
Havendo possibilidade para o primeiro, fica logo em mente a adoração de ter um segundo, daí tb a razao da "uma ninhada", para expandirmos a titulo proprio, o nosso gosto nestes companheiros!Daí tambem o q investimos neles na aquisição e continuamos a investir, com maximo agrado por certo,depois desta!
Quase me atrevo a dizer, q gato por gato de companhia, qualquer um "poderia servir" ao mais desinteressado comprador, desde que criado "em condições", e para estes casos, basta apenas adoptá-los e cuidá-los, fazendo com que os de "raça pura", que "valem" as centenas que se sabe,sejam actualmente um "capricho" de quem pode, no qual eu próprio me incluo como disse!
Apenas uma opinião, de quem está deste lado!
Melhores Cumprimentos,
E.Filipe

Shadow Eyes disse...

Olá E. Filipe, obrigado pelos seus comentários.

Confesso que não percebi tudo o que queria dizer, mas acho que apanhei o principal.

Em primeiro lugar, há aí um equívoco: um gato de companhia não é de menor qualidade só porque não é o mais aconselhável para dar continuidade à raça. Aliás, a olho nu, muitas esse gatinho de companhia até pode ser bem mais bonito do que um gatinho de criação.

Depois, há outra questão. É verdade que ter um bosque não é para qualquer um. Não só por questões de mentalidade, mas também por questões financeiras. Isso também é um filtro para os futuros donos, porque assim sabemos que poderão cuidar bem dos nossos gatinhos. Não é tudo, mas ajuda. Há ainda um pormenor, o bosque não é bem de perto a raça mais cara em Portugal e corre-se o risco de estarmos a vulgarizar uma raça fantástica só porque nem todos podem comprá-la. O persa já passou por isso e não se vê luz ao fundo do túnel.

Quanto à sua questão, nem todos os bons gatos que poderiam ir para criação vão para esse efeito e são vendidos para companhia. No entanto, isso não desresponsabiliza o novo dono. Este continua a não ter conhecimentos para manter elevada a qualidade dos seus gatinhos.

É verdade que podemos ajudar nesse aspecto. No entanto, continua a ser fundamental que o criador tenha claro sempre qual será o uso do gatinho que vende e que caso seja usado para a tal «uma ninhada» que este seja comprado para criação.

Não sei se falhei algum ponto. Se sim por favor comentem...

E.Filipe disse...

Bom dia Luis!
Deixe-me apenas discordar com o seu primeiro paragrafo, aquele que acho essencial em tudo o que eu disse atrás!.. Aqueles exemplares q vemos em exposição, é aquilo que sonhamos ter em casa, e, como sabe, esses estao reservados para "dar continuidade" à raça e apenas para os que assim quiserem pagar e dedicar-se a isso, penso eu!(Esquecendo agr todo o preparo que têm para ali estar evidente, e partindo do princípio que todo e qualquer dono responsável dá ao seu gato a melhor ração, as melhores escovagens e o que de melhor há..aqui me enquadro eu tb)!

Não digo que um ou outro destes exemplares, nao havendo em espera um novo dono que queira ser criador da raça, não "tenha mesmo" que acabar por ser vendido para companhia, tal como voce disse! Felizardo do novo dono!

De resto, concordo com tudo, com tudo aquilo que salvaguarda o criador Luis, sem duvida todo o trabalho que tem, assim como a manutençao das caracteristicas tao bem conseguidas duma linhagem. Acho que consigo perceber no que se refere aos Persas, apesar de eu ser um mero leigo na matéria!

De resto, é apenas uma conversa!
Talvez um dia tambem eu possa vir a ser criador, e aí, compreenda melhor qual o "melhor" gato para este fim ou aquele, mas que no fundo, será apenas o melhor gato para mim, com tudo aquilo que goste e que espero que ele venha a ter em crescido!
Melhores cumprimentos e mais uma vez, Parabéns, as vossas ninhadas são deveras fantásticas!

Shadow Eyes Fan Box

Shadow Eyes on Facebook

Shadow Eyes Photo Gallery

Ocorreu um erro neste dispositivo
Ocorreu um erro neste dispositivo

Seguidores